Vivemos numa era em que o superficial e o falso reinam. O importante não é ser feliz, mas sim que as pessoas achem que somos felizes. Fortalecida pelo advento das redes sociais, a nossa necessidade de aceitação social é cada vez mais selvagem, levando-nos a extremos para tentar manter uma...