Política

O MODEL EUROPEAN UNION CHEGA FINALMENTE A PORTUGAL

Com uma equipa esforçada e pronta para aproximar os jovens do projeto europeu, de 1 a 4 de março, o Model European Union chega finalmente a Lisboa e com mais força que nunca. O preço é 17€ para sócios e 21€ para não sócios e está aberto a todos os estudantes, independentemente da sua área de conhecimento.

Com vista a incentivar os valores europeus na juventude, de 1 a 4 de março, chega a Portugal o Model European Union (MEU). O objetivo é criar uma simulação de política europeia onde os participantes poderão encarnar os papeis da mais alta importância nos meios de decisão da União Europeia, enquanto ingressam numa discussão livre sobre temas controversos.

A obra é da associação BETA (Bringing Europeans Together Association), equipa impulsionada pelas vontades e partilhas fornecidas pelos vários MEU, em especial o de Estrasburgo em 2017. E foi assim que a BETA chegou a Portugal.

A BETA Portugal, tal como a sua organização de origem, defende os valores de tolerância, multiculturalismo e cooperação entre os jovens portugueses, assim como também procura despertar o interesse pela política europeia dos mesmos.

Após várias tentativas para replicar o formato BETA em Portugal, uma nova equipa de portugueses decidiu agarrar no projeto e concretizá-lo no ponto mais ocidental da Europa, assegurando a sua continuidade e regularidade.

O MEU Lisboa vai focar-se em dois temas correntes na UE atualmente: a Igualdade de Tratamento no Emprego e os Segredos Comerciais. Os bilhetes estão disponíveis para qualquer pessoa entre 16 e os 30 anos e têm um custo de 17€ para sócios e 21€ para não sócios. Nestes preços estão incluídas a simulação, refeições e brindes.

“Os requisitos que os participantes devem ter passam pela muita vontade de aprender sobre as instituições europeias!”, aponta Catarina Neves, Vice-Presidente do BETA Portugal, numa entrevista ao Shifter.

02-testemunho-catarina-neves

Desta forma, o ramo português do BETA promete oferecer uma experiência saudável, que ligue os jovens dos mais diversos backgrounds e que, ao mesmo tempo, também os aproxime ao projeto europeu, independentemente das áreas de formação.

A BETA Portugal não se quer contentar apenas com o MEU Lisboa em março e tem já metas bem definidas: realizar duas simulações por ano, uma em português e outra em inglês, com inscrições abertas a todos os europeus.