Devaneios Opinião

PAULO PEDERASTA

Por Catarina Janeiro

Paulo, não tens vergonha de ser baitola?

No jornal já não falam tanto da bola,

Falam de ti e da tua bitola

Bicha do partido!

Pederasta a correr a São Bento!

 

Que raio eu tenho agora de aturar

Estes pensantes que fazem noticiar 

Sem nenhumas verdades cruas

O que tu já eras e continuas

 

Na vespertina, o padre vai ter muito que pregar

Que enquanto disto dos gays se falar

A desigualdade está aí a perdurar

 

Artigo da autoria de Catarina Janeiro