Desporto

Hóquei em Patins: FC Porto vence o Murches e mantém-se na luta pelo primeiro lugar

Os “azuis e brancos” receberam e venceram, este sábado, no Dragão Arena, a formação do GRF Murches, em jogo a contar para a 10ª jornada do campeonato nacional. 6-0 foi o resultado final. Por Duarte Alves.

Após ter conquistado o passaporte para a próxima fase da Taça de Portugal frente a equipa do Oliveira do Hospital, o Futebol Clube do Porto (FC Porto) regressou ao campeonato para defrontar o recém-promovido Grupo Recreativo e Familiar de Murches (GRF Murches), último classificado, naquele que foi o último jogo de 2022 dos “dragões”.

Primeira parte de sentido único

Apesar do favoritismo do FC Porto à entrada desta partida, a equipa de Cascais conseguiu resistir aos ataques portistas. Com o habitual “cinco” titular, a formação de Ricardo Ares, técnico da equipa da casa, não estava a encontrar o caminho para o golo.

Com a turma forasteira pouco atrevida, não foi com surpresa que o marcador tivesse sido aberto pelo capitão portista Reinaldo Garcia, que proporcionou o primeiro momento de alegria no Dragão Arena.

O marcador estava desbloqueado, mas sem muitas oportunidades de golo de parte a parte. Após o tempo técnico pedido pelo FC Porto, perto do intervalo, um golo culminou uma bela jogada de equipa. Carlo di Benedetto, internacional francês, deu a tranquilidade para uma segunda parte que se adivinhava de muita rotação, perante um adversário com poucos argumentos para derrotar a turma da casa.

Consolidar o favoritismo

O FC Porto entrou mais acutilante no regresso dos balneários e carimbou mais um golo, nos instantes iniciais da segunda parte, com Reinaldo Garcia a bisar e a fazer o papel de goleador dos “azuis e brancos”.

Pouco depois, foi a vez do melhor marcador do FC Porto no campeonato, Gonçalo Alves, marcar o terceiro, na conversão de uma grande penalidade com cinco minutos decorridos da segunda parte.

O mesmo jogador ainda teve mais uma chance de fazer o “bis” e somar mais um tento no campeonato, mas desta feita, o guardião do Murches, Rodrigo Vieira, levou a melhor e o resultado manteve-se inalterado.

O técnico portista aproveitou esta partida para fazer rodar o seu plantel. Jogadores como Roc Pujadas, Diogo Barata e o guardião Tiago Rodrigues estiveram em bom plano e mostraram ao treinador que são elementos a ter em conta em jogos futuros.

Até ao final do encontro, somaram-se mais dois golos portistas, de Carlo Di Benedetto e de Rafael Costa, este último a estrear-se no papel de marcador na partida, a poucos segundos do fim do jogo, que terminou com o resultado de 6-0.

Após a partida, o treinador dos campeões nacionais realçou a importância de terminar o ano com uma vitória,  continuar o objetivo de perseguir o líder do campeonato e passar para a frente da tabela classificativa.

O próximo compromisso do FC Porto está marcado para dia 7 de janeiro de 2023, frente ao Parede, pelas 21h, em jogo a contar para o campeonato nacional. O Murches recebe o SL Benfica, no mesmo dia, com hora por determinar.

Artigo da autoria de Duarte Alves