Desporto

Hóquei: FC Porto supera Juventude de Viana e é líder isolado

Os “azuis e brancos” visitaram, este sábado, a formação de Viana do Castelo em jogo da 20ª jornada do campeonato. 0-6 foi o resultado final. Por Martim Mota

O Futebol Clube do Porto (FC Porto) deslocou-se, este sábado, até ao Pavilhão Municipal José Natário, para defrontar a Associação Juventude de Viana (Juventude de Viana) na tentativa de dar continuidade à série de nove vitórias consecutivas. À partida para o encontro da 20ª jornada, a equipa da casa encontrava-se na oitava posição da tabela classificativa, enquanto os “dragões” procuravam uma vitória que os catapultasse para o primeiro lugar da classificação.

Equilíbrio esperado

Apesar do confronto entre as duas equipas ser historicamente equilibrado, foi o FC Porto que se mostrou superior desde o início. Os “dragões” destacavam-se pela sua boa troca de bola e pelas constantes jogadas que envolviam toda a equipa no seu meio campo ofensivo. No entanto, muitas destas jogadas perdiam-se no meio do piso molhado que, devido ao mau tempo que se fazia sentir no exterior do pavilhão, fez com que os jogadores escorregassem e não conseguissem impor o seu jogo. Este fator externo revelou-se adverso para as duas equipas.

Os remates de longa distância e as iniciativas individuais de Gonçalo Alves foram as principais estratégias utilizadas para tentar ultrapassar a boa organização defensiva da formação de Viana. Numa dessas investidas, o jogador dos “azuis brancos” serviu Rafa que finalizou da melhor forma para o primeiro golo dos “dragões”.

A Juventude de Viana não deixou de tentar atacar a baliza portista, mas sem sucesso. O FC Porto continuou à procura de aumentar a vantagem, porém Bruno Guia, guarda-redes da formação vianense, protagonizou defesas de grande destaque. 0-1 era o resultado ao intervalo. 

Eficácia transformada em golos 

A segunda parte abriu com um golo dos “dragões”, através do stick de Reinaldo García. O remate certeiro do jogador portista aumentou a vantagem dos “azuis e brancos” para 0-2 . A boa entrada dos portistas mostrou que as mexidas na equipa ao intervalo, por parte de Guillem Cabestany, treinador dos visitantes, deram resultado. A resposta da equipa da casa tardou a chegar e a superioridade do FC Porto acentuou-se cada vez mais. O terceiro golo da formação portista surgiu através de um remate forte de meia distância por parte de Poka, jogador que também foi lançado na segunda parte do encontro. 

O FC Porto manteve o ritmo de jogo bastante alto e o seu poderio ofensivo mostrou-se cada vez mais eficaz. Gonçalo Alves assistiu para o quarto e quinto golo marcados por Rafa e Carlo di Benedetto, respetivamente. O golo de Gonçalo Alves surgiu a poucos segundos do final da partida através da marcação de um livre direto. O jogador dos “azuis e brancos” foi considerado o melhor jogador em campo. 0-6 foi o resultado final. 

Com este resultado, o FC Porto sobe ao primeiro lugar e passa a ser líder isolado com mais dois pontos, e menos um jogo, em relação à formação do OC Barcelos, enquanto a Juventude de Viana mantém-se no oitavo lugar. As duas equipas voltam a jogar no sábado, dia 27 de fevereiro, com os “azuis e brancos” a receberem o Sporting Clube de Portugal, quarto na tabela classificativa, e a formação de Viana a deslocar-se até ao terreno do AD Valongo, sétimo classificado.

Artigo da autoria de Martim Mota