Desporto

Andebol: Portugal entra a vencer no Mundial

A Seleção Nacional estreou-se, no Mundial de Andebol disputado no Cairo, Egipto, com uma vitória frente à Islândia. 25-23 foi o resultado final.

18 anos depois da última participação de Portugal num Mundial de Andebol, a “equipa das quinas” está de volta à maior competição da modalidade. O encontro da primeira jornada colocou frente a frente Portugal e Islândia. Pela terceira vez no espaço de uma semana, as seleções portuguesa e islandesa voltavam a medir forças. As duas equipas já tinham disputado dois encontros para a qualificação do Campeonato da Europa de 2022, com uma vitória para cada lado nesses confrontos.

30 minutos de alta intensidade

A primeira parte do encontro foi marcada pela intensidade e eficácia da barreira defensiva das equipas, algo que ficou evidenciado pelo reduzido número de golos nos primeiros 30 minutos da partida. Embora o resultado estivesse equilibrado, a Seleção da Islândia sobrepôs-se a Portugal durante os primeiros 20 minutos. 

Portugal colocou-se pela primeira vez na frente do marcador nos dez minutos finais do primeiro tempo. Diogo Branquinho, ponta do FC Porto, foi o responsável pela reviravolta no marcador. Há que destacar também as enormes intervenções de Alfredo Quintana, guarda-redes nacional, que travaram as investidas dos islandeses. O esforço português foi notório, o que permitiu que a Seleção Nacional fosse para o intervalo a vencer com um parcial de 11-10.

Miguel Martins carimba vitória 

Os minutos iniciais da segunda parte demonstraram desinibição e uma enorme vontade de vencer por parte da seleção orientada por Paulo Pereira. Esta entrada forte deveu-se a Miguel Martins, central do FC Porto, que até então ainda não tinha somado minutos no encontro. O internacional português trouxe estabilidade e confiança à equipa portuguesa. Miguel Martins viria, inclusive, a ser considerado o melhor em campo com seis golos marcados. 

A defesa eficaz e o ataque certeiro permitiram a Portugal construir uma vantagem de cinco golos. Nos minutos finais, a seleção islandesa ainda se mostrou viva no encontro com a concretização de três golos, que não obtiveram resposta por parte da “equipa das quinas”, mas não foi suficiente para mudar o desfecho da partida.

60 minutos jogados e Portugal vence o encontro de estreia no Mundial de Andebol de 2021. 25-23 foi o resultado final.

No final do encontro, Paulo Pereira, selecionador de Portugal, destacou a entrega dos jogadores em campo e realçou o trabalho coletivo. Tal como o técnico nacional, Miguel Martins, central português, salientou a força e união do grupo que tem como objetivo “levar Portugal o mais longe possível”. Para Gudmundur Gudmundsson, selecionador da Islândia, a superioridade de Portugal foi evidente num jogo onde, segundo o mesmo, a seleção islandesa começou bastante bem.

Portugal volta a jogar este sábado frente a Marrocos, enquanto a Islândia tem encontro marcado, no mesmo dia, com a Argélia. Neste momento, Portugal e Argélia são os líderes do grupo F, depois das vitórias na primeira jornada da ronda preliminar do Mundial de Andebol de 2021, no Egipto.