Desporto

COVID-19: FISU cancela Mundiais Universitários até agosto e EUSA adia os Jogos Europeus de Belgrado

Estas decisões surgem como consequência do surto mundial de COVID-19. Uma nova data para os Europeus será anunciada em breve.

A Federação Internacional do Desporto Universitário (FISU) anunciou esta semana o cancelamento dos Campeonatos Mundiais Universitários que estavam agendados até agosto de 2020. No mesmo sentido, a Associação Europeia do Desporto Universitário (EUSA), em conjunto com a Comissão Organizadora dos Jogos Europeus de Belgrado 2020, adiou o evento que estava previsto decorrer entre 12 e 25 de julho. As decisões foram tomadas devido à pandemia de COVID-19 e com o intuito de zelar pela segurança e saúde de todos os envolvidos, desde a organização aos estudantes-atletas e ao público em geral.

Com esta resolução, foram cancelados os Campeonatos Mundiais Universitários das seguintes modalidades: Andebol (Polónia); Ciclismo (Holanda); Floorball (Eslovénia); Futebol Americano (Hungria); Futsal (Polónia); Golfe (Taipé); Muaythai (Cazaquistão); Orientação (Rússia); Squash (China); Triatlo (Hungria); Vela (Itália); Voleibol de praia (Espanha) e Wushu (China). A realização da competição de canoagem, agendada de 21 a 23 de Agosto, na Bielorrússia, está ainda em análise. A FISU afirma que vai continuar a avaliar o desenvolvimento da situação das competições que se mantêm agendadas.

André Reis, presidente da Federação Académica do Desporto Universitário (FADU), diz que “o cancelamento destes campeonatos mundiais universitários, por parte da FISU, é uma decisão que consideramos acertada.” André Reis refere ainda que é evidente que esta medida altera a preparação que a FADU vinha a fazer para as suas participações internacionais para 2020. No entanto, conclui que a prioridade deve ser a saúde e a vida das pessoas, neste caso estudantes-atletas e toda a comunidade.

Quanto aos Jogos Europeus Universitários, a EUSA afirma que a nova data será anunciada em breve e explica que a decisão do adiamento dos baseou-se numa medida de segurança, visto que a atual situação dos países europeus em relação à propagação do vírus não oferece garantias de condições de saúde até julho.

Em Portugal, foram registados até ao momento 5.170 caso de infeção por COVID-19 e uma centena de vítimas mortais. Na semana passada, a FADU anunciou a suspensão por tempo indeterminado de todos os seus eventos, medida que engloba as competições alusivas aos Campeonatos Nacionais Universitários.