Desporto

BASQUETEBOL: FC PORTO FECHA A SÉRIE IMBATÍVEL DO SL BENFICA

O Futebol Clube do Porto bateu ontem (sábado) o líder Sport Lisboa e Benfica por 96-78, em jogo a contar para a 16ª jornada do Campeonato da LPB Placard, por Marcelo Pinto.

Duas das melhores equipas nacionais encontravam-se no Dragão Caixa para jogar o clássico do desporto português, numa partida que se adivinhava equilibrada. De um lado estava o Futebol Clube do Porto (FCP), 3º classificado na Liga Placard, que até ao momento contava com nove vitórias seguidas para o campeonato e dez em todas as competições. Do outro o Sport Lisboa e Benfica (SLB), líder desta edição da Liga, que só somava vitórias no campeonato, sendo por isso considerada como a favorita a vencer a partida.

O jogo começou com uma entrada muito forte da equipa da casa, que tentou desde cedo impôr o seu ritmo de jogo e não deixar o adversário jogar confortável. O primeiro quarto ficou marcado pela grande percentagem de tiro exterior da equipa “azul e branca” (71.4%) e pela agressividade defensiva, não dando muitas oportunidades de lançamento ao líder do campeonato.  O período terminou com o resultado  de 34-19 favorável ao FCP.

O segundo período começou com uma entrada forte da equipa da capital, que diminuiu muito a vantagem do Porto (38-31), obrigando Moncho López a pedir desconto de tempo para “despertar” a equipa. Depois do minuto pedido pelo técnico, a equipa portista aumentou novamente os índices de agressividade, de tal forma que somaram mais um grande parcial. Os “dragões” voltaram a distanciar-se no marcador e chegaram ao descanso com uma vantagem confortável (56-39).

No terceiro quarto viu-se mais do mesmo. O Benfica continuou com muitas dificuldades em marcar pontos, e o Porto aproveitou da melhor maneira, aumentando a vantagem.  A diferença no final do período era de 29 pontos favorável aos “dragões”.

No último quarto o FC Porto diminuiu o rendimento,  com as “águias” a converterem vários pontos em contra-ataques. O Benfica acabaria por ser melhor nestes dez minutos, mas o esforço não chegou para ultrapassar a equipa da casa.

O resultado final ficou fixado em 96-78, num jogo onde o FC Porto foi melhor, quebrando assim a série invencível do Benfica no campeonato. O MVP da partida foi João Soares, jogador dos “azuis e brancos”, que acabou a partida com 22 pontos e oito ressaltos.

Ambas as equipas regressam à competição no dia 2 de fevereiro, com o FC Porto a ir a Oliveira de Azeméis jogar contra o atual campeão nacional, a UD Oliveirense, e o SL Benfica a receber o CAB Madeira SAD.

Este artigo é da autoria de Marcelo Pinto