Desporto

HÓQUEI: GOLEADA DO FC PORTO NO ARRANQUE DA LIGA EUROPEIA

O Futebol Clube do Porto recebeu e venceu os espanhóis do Club Patí Vic por 13 – 2 na primeira jornada do grupo B da Liga Europeia 2017/2018.

O primeiro jogo do FC Porto nas competições internacionais foi contra o clube que ocupa a 11ª posição na liga espanhola. A equipa, que sofreu grandes alterações no plantel, concedeu o primeiro golo logo aos 54 segundos. Gonçalo Alves bateu o guarda-redes Octavi Garcia e deu vantagem aos azuis e brancos.

Num início de jogo rápido, com ambas as equipas a obrigar os guardiões a intervir, foi Jorge Silva quem conseguiu voltar a marcar e aumentou a vantagem portista para 2-0, aos seis minutos.

Só à passagem do minuto 21 é que o público do Dragão Caixa voltou a festejar. Num remate frontal, Reinaldo Garcia enviou a bola para o fundo das redes da baliza do Vic e fez o terceiro do FC Porto.

Os azuis e brancos continuaram a tentar alargar a vantagem, mas o guardião do Vic defendeu um remate de Telmo Pinto e o ferro travou dois lances de Rafa.

Na etapa complementar, o jogo esteve interrompido durante cerca de cinco minutos devido a problemas técnicos com os quadros eletrónicos do pavilhão.

Aos quatro minutos e com a partida já retomada, Hélder Nunes estabeleceu o 4 – 0, num remate de meia distância. No mesmo minuto, Rafa finalizou um contra-ataque iniciado por Jorge Silva e fez o 5 – 0.

Passados dois minutos, o mesmo Jorge Silva aproveitou um passe de Hélder Nunes e fez o 6-0 e o segundo da conta pessoal.

Ao minuto 11, Rafa marcou dois golos e fez o hat-trick. O camisola nove dos “dragões” marcou um tento através de uma “picadinha” e o outro num lance em que foi assistido por Hélder Nunes.

O CP Vic continuava a tentar chegar à baliza de Carles Grau, mas valeu o corte de Reinaldo Garcia que, na jogada seguinte, deu o nono golo aos azuis e brancos. Gonçalo Alves bisou na partida, à passagem do minuto 17, assistido por Alvarinho, e fez o 10-0.

O clube espanhol chegou ao golo a três minutos do fim, por Albert Sala. O jovem Arnau Jutglar levou a melhor sobre Carles Grau e marcou o segundo golo para a equipa espanhola, não sem que antes Alvarinho e Ton Baliu marcassem e aumentassem a vantagem portista para os 12-1.

Houve ainda tempo para, Gonçalo Alves, a um segundo do fim, estabelecer o resultado final em 13-2 e assinar também um hat-trick.

No final da partida, o técnico do FC Porto, Guillem Cabestany destacou a “intensidade ao longo de todo o jogo” por parte da equipa. “A equipa fez tudo o que tinha que fazer”, afirmou o treinador. A Liga Europeia é um troféu que falta ao técnico catalão, mas “as boas exibições” estão à frente de “hipotéticas final-four” e o FC Porto tem que “mostrar o seu mérito jogo a jogo”, segundo Cabestany.

Rafa, o avançado dos azuis e brancos e MVP da partida, garantiu que os jogadores “entram em todas as competições para ganhar” e que esta não vai ser exceção. É um “título que já foge ao FC Porto há algum tempo”, mas a equipa vai “tentar mudar isso, jogo a jogo” e no final espera “levantar a taça”.

Com a vitória por 13-2 frente ao CP Vic, o FC Porto lidera o grupo B seguido pelos italianos do Follonica, que venceram a equipa francesa do La Vendéenne.

A equipa dos “dragões” começa agora a preparar a deslocação da próxima semana a Turquel, em jogo a contar para a quarta jornada do campeonato nacional.