Desporto

HÓQUEI: PORTUGAL ENTRA COM O PATIM ESQUERDO NO MUNDIAL

A Seleção Nacional estreou-se a perder por 2 – 5 frente à Argentina, no Mundial de hóquei em patins disputado em Nanjing, na China, que este ano se insere pela primeira vez nos World Roller Games.

O jogo grande da primeira jornada do Mundial de hóquei em patins colocou frente a frente os campeões da Europa, Portugal, e os campeões do mundo, Argentina.

Os detentores do título mundial adiantaram-se no marcador através de uma grande penalidade convertida por Matias Pascual (onze minutos). Depois de um penalti falhado por Ricardo Barreiros, foi Gonçalo Alves a restabelecer a igualdade (19 minutos), que foi quebrada a segundos do intervalo por Matias Platero (24 minutos).

Na segunda parte, a Argentina aproveitou um livre direto para fazer o 3 – 1 por Lucas Ordoñez (32 minutos). João Rodrigues converteu um penalti e reduziu para 3 – 2 , mas os argentinos aproveitaram nova grande penalidade para chegar ao 4 – 2, por intermédio de Matias Pascual. O  5- 2 final foi assinado por Carlos Nicolia. A displicência portuguesa foi uma das chaves do jogo: a seleção nacional não aproveitou os três livres diretos de que dispôs ao longo do encontro.

Esta derrota não põe em risco as aspirações lusas à conquista do Mundial e os jogadores já pensam na próxima partida frente à Itália, que na primeira jornada venceu a França por 6 – 2.