Desporto

DIA DA MULHER: DE COR-DE-ROSA TAMBÉM SE FAZ HISTÓRIA

A seleção nacional de futebol feminino é composta por 32 mulheres que, em 2016, emprestaram o nome à história. No dia internacional da mulher, o JUP recorda o feito da equipa orientada por Francisco Neto.

O apuramento inédito para o Campeonato da Europa 2017, na Holanda, saiu dos pés de Andreia Norton e da destreza técnica de Ana Borges. A jogada certa no momento certo foi decisiva para a construção do sonho europeu e para a desconstrução do estereótipo.

São mulheres de elite que, unidas por um currículo sem fronteiras, teimam em aceitar que o futebol seja “uma coisa de homens.” De acordo com Mónica Jorge, diretora do futebol feminino na Federação Portuguesa de Futebol (FPF), em novembro de 2016, estavam registadas 3.113 jogadoras na FPF. O futebol feminino veio para ficar.

A equipa das quinas está no Grupo D juntamente com Espanha, Inglaterra e Escócia. O primeiro jogo da fase final vai disputar-se, a 19 de julho, às 17:00, em casa de “nuestras hermanas.”