Desporto

JORNALISTA CRAIG SAGER MORRE AOS 65 ANOS

Craig Sager, repórter de campo da NBA, faleceu esta quinta-feira, vítima de leucemia.

Repórter para a Turner Broadcasting, trabalhou mais de 40 anos nas linhas laterais e fez cobertura para o basebol, basquetebol, futebol, esqui, curling, futebol americano universitário, golfe e ténis, em diversos palcos: campeonatos mundiais da FIFA e da FIBA, ligas nacionais americanas e Jogos Olímpicos de Inverno e Verão.

Craig Sager começou a carreira de transmissão em 1972 e foi contratado pela CNN em 1981. Ficou conhecido pela versatilidade e interação como jornalista desportivo, numa altura em que o termo ainda era recente.

“Tudo o que fazemos, ele foi uma grande influência”, afirmou Ernie Johnson Jr., colega de Sager desde 1989: “Toda a personalidade dele e o modo como ele abordava o trabalho, e a felicidade que ele sentia enquanto trabalhava. Ele nunca perdeu a noção do facto de que somos uns sortudos por fazer isto”.

“Craig Sager foi um membro muito amado da família Turner por mais de três décadas e uma verdadeira inspiração para todos nós” afirmou David Levy, presidente da Turner Broadcasting em comunicado. O comissário da NBA, Adam Silver, também fez questão de relembrar o jornalista: “Eu, tal como toda a família da NBA, estou profundamente entristecido pelo falecimento de Craig Sager. O Craig era tão vital para a NBA como os jogadores e treinadores.”

Adam Silver referiu ainda que o jornalista era “uma voz essencial na cobertura da Turner Sports da NBA” e que “relatou alguns dos momentos mais memoráveis da história da liga e era uma presença ubíqua com os seus fatos tão coloridos como a sua personalidade.” O comissário da NBA referiu ainda que todos os jogos vão ter um minuto de silêncio por Craig.

Sager criou também a Fundação Sager Strong, uma instituição de caridade para ajudar pessoas que lutam contra o cancro, e reuniu dinheiro com a venda de t-shirts coloridas e sapatos especialmente desenhados, inspirados nos outfits que usava quando fazia reportagens.

Na terça-feira, 13 de dezembro, Craig Sager passou a fazer parte do Hall Of Fame do Jornalismo Desportivo dos Estados Unidos da América.