Ciência e Saúde

Jornalista do JUP distinguida na 3ª Edição do Prémio Nacional de Jornalismo de Inovação

A jornalista, atual editora da secção de Ciência e Saúde, Mariana Miranda, foi a vencedora na categoria "Menção Honrosa Académica", com uma peça publicada no JUP em 2019.

A atual editora de Ciência e Saúde do Jornal Universitário do Porto (JUP), Mariana Miranda, venceu a categoria de “Menção Honrosa Académica” da edição de 2020 do Prémio Nacional de Jornalismo de Inovação.

Foi com a peça “Tecnologia portuguesa mede radioatividade do Tejo em tempo real”, publicada a 19 de abril de 2019, que a editora do JUP se candidatou, e acabou por vencer, no certame que todos os anos premeia trabalhos jornalísticos dos vários sectores.

O prémio conta já com três edições, e pretende galardoar trabalhos jornalísticos publicados em Órgãos de Comunicação Social portugueses sobre Inovação de base científica e tecnológica desenvolvida em Portugal ou em parceria relevante com entidades portuguesas.

Atualmente aluna de doutoramento em Engenharia Química e Biológica na FEUP, Mariana Miranda faz parte da equipa do JUP desde 2018, ocupando o cargo de editora desde novembro de 2019.